http://h1.ripway.com/sumello/flor2.ico

Dalva100% Vida e Natureza

Adoro a vida, viver cada minuto como se fosse o ultimo pois ele não se repetirá

Quem eu sou

Minha foto

Sou uma pessoa simples,que ama a vida e a natureza, gosto de dançar,ouvir musicas(todos os ritmos),sou viciada em praia,e gosto de viver cada minuto como se fosse o ultimo,pois ele não se repetirá. Sou flamenguista, sou muito positiva.
 
Como já escrevi eu amo

a NATUREZA e a VIDA,

através deste Blogger vou tentar

passar palavras de Amor, Vida ,

Reflexão e Poesias. Mostrar para as

pessoas a importância da Natureza

em nossas vidas: ar que respiramos,

a agua que bebemos, o sol que nos da

luz, a lua, as montanhas, as florestas,

os rios, as cachoeiras, o mar enfim

tudo aquilo que Deus nos deu sem

cobrar nada, a unica coisa que ele quer

em troca é o Amor entre as pessoas .

Espero que gostem, pois este blogger

foi feito com muito carinho, desde já

agradeço pela visita e pela atenção,

volte sempre.

Dalva



Obrigado pela visita

Fique à vontade,sinta-se em casa,leve um pouco de mim, deixe um pouco de você Comente! dalva

sábado, 28 de julho de 2012

"Enquanto estiver vivo, sinta-se vivo.
Se sentir saudades do que fazia, volte a fazê-lo.
Não viva de fotografias amareladas...
Continue, quando todos esperam que desistas.

Não deixe que enferruje o ferro que existe em você.
Faça com que em vez de pena, tenham respeito por você.
Quando não conseguir correr através dos anos, trote.

Quando não conseguir trotar, caminhe.
Quando não conseguir caminhar, use uma bengala.
Mas nunca se detenha"


(Madre Teresa de Calcutá)

"Enquanto estiver vivo, sinta-se vivo.
Se sentir saudades do que fazia, volte a fazê-lo.
Não viva de fotografias amareladas...
Continue, quando todos esperam que desistas.

Não deixe que enferruje o ferro que existe em você.
Faça com que em vez de pena, tenham respeito por você.
Quando não conseguir correr através dos anos, trote.

Quando não conseguir trotar, caminhe.
Quando não conseguir caminhar, use uma bengala.
Mas nunca se detenha"


(Madre Teresa de Calcutá)
Viva! Tente! A vida não passa de uma tentativa.
Ei! Ame acima de tudo, ame a tudo e a todos.
Não feche os olhos para a sujeira do mundo,
Não ignore a fome!
Esqueça a bomba, mas antes, faça algo para combatê-la,
Mesmo que se sinta incapaz.

Procure o que há de bom em tudo e em todos,
Não faça dos defeitos uma distância e sim uma aproximação.
Aceite! A vida, as pessoas, faça delas a sua razão de viver.
Entenda! Entenda as pessoas que pensam diferente de você,
Não as reprove.


Ei! Olhe. Olhe a sua volta, quantos amigos...
Você já tornou alguém feliz hoje?
Ou fez alguém sofrer com o seu egoísmo?
Ei! Não corra. Para que tanta pressa?
Corra apenas para dentro de você.

Sonhe! Mas não prejudique ninguém
E não transforme seu sonho em fuga.
Acredite! Espere! Sempre haverá uma saída, sempre brilhará uma estrela.
Chore! Lute! Faça aquilo que gosta.
Sinta o que há dentro de você.
Ei! Ouça... Escute o que as outras pessoas têm a dizer,
É importante.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Netos

Dizem que ser avó é ser mãe duas vezes.
É verdade, pois o amor pelos netos é tão grande que se iguala ao de uma mãe, porém mais forte e mais experiente, mais purificado, mais sábio.
Este amor traz a delicadeza da mais pura sabedoria divina, que só Nossa Senhora teve por ser mãe de Cristo.
Netos são anjos, que tocam em nossos ouvidos uma música tão divina quanto a palavra MAMÃE.
Netos são também a esperança de uma velhice mais tranqüila, pois eles estarão em nossa frente nos acenando com sua juventude e nos encorajando a não nos entregarmos ao acaso que a vida nos reserva.
Neto é a luz mais moderna na criação de Deus.
Neto é a realização completa de um sonho de continuidade da geração da humanidade.
É a bênção de premiação, pela segunda vez, por nosso Criador, Deus Pai.

QUE DEUS TE ABENÇOE SEMPRE, MEU QUERIDO NETO!
BERNARDO

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

sábado, 23 de julho de 2011

Amigo de Verdade

Ser amigo de verdade
É promover o bem-estar,
Sendo na escuridão, claridade,
No desamparo, fraternidade
E na sofreguidão, afago para tranqüilizar.

Ser amigo de verdade
É promover a evolução,
Não sendo complacente na leviandade
E nem oferecendo apoio por pura piedade,
Amigo verdadeiro sabe chamar a atenção.

Ser amigo de verdade
É nunca esperar por retribuição,
Mostrando que a real amizade
Não carece de reciprocidade,
O sorriso do amigo é o galardão.

Ser amigo de verdade
É cultivar na lembrança
Os laços de afetividade
Não permitindo que acabem
Vitimados pelo tempo ou pela distância.

Eduardo de Paula Barreto

terça-feira, 5 de julho de 2011

OUTROS MUNDOS

Me concentrando relaxo
E vejo a Terra do alto, tão pequena
E me sentindo no espaço
Das minhas dores me desfaço
E não consigo ver os meus problemas.

Sendo a Terra apenas um ponto no infinito
Por que valorizar o meu sofrimento?
Por que cultivar um coração abatido
Se esta existência só tem sentido
Por ser maior do que o meu entendimento?

Encontro paz na minha ignorância,
Encontro conforto na minha estupidez,
Encontro alento na minha insignificância,
Pois acredito que os planetas e suas distâncias
Foi Alguém mais evoluído que fez.

Se existe um Criador deste Universo
E se somos a Sua mais nobre criatura,
Temos na Terra o nosso berço,
Mas estão em outros mundos tão diversos,
Os meios para aumentarmos a nossa estatura.

Eduardo de Paula Barreto
.

quinta-feira, 30 de junho de 2011

VERDE VIDA

Montes verdejantes, ornamentos da natureza,
Alpes elegantes, imponentes e superiores,
Grutas com estalactites como pingentes cheios de beleza,
Ar puro, lindas flores exalando perfumes e inspirando amores.

Livres pássaros construindo ninhos nas árvores, suas camas.
Os imensos eucaliptos, enormes poleiros,
Gulosos animais aparando a grama,
Úmido solo mantendo a vida nos ricos canteiros.

Trilhas marcadas com pegadas humanas,
Invasão do solo até então sagrado,
Esforço das laranjas, abacates e bananas
Lutando para restaurar o chão que pelo homem foi pisado.

Rios generosos nutrindo a vida,
Esperança de que serão sempre ouvidos,
São suas águas que a todo ser convida:
– Fartam-se de mim, me façam seu amigo.

Eduardo de Paula Barreto

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...